A liderança na sua vida: Profissional e pessoal.

29/08/2018

É difícil a tarefa de fazer uma boa gestão, ser um bom líder, tomar as decisões certas na hora certa, reduzir custos, motivar sua equipe, ser um bom pai/mãe, um bom filho/filha, ser um amigo presente, cuidar da saúde, ser saudável, fazer exercícios, etc, ou seja, liderar sua vida profissional e pessoal com eficiência.
Quando falamos em liderança, imaginamos todas essas atribuições ao indivíduo, seja manter a liderança nas coisas simples da vida como nos projetos mais complexos da empresa.

Será que isso é possível dar conta de tudo isso?
Quantas vezes ouvimos histórias de um grande líder, que consegue resultados impressionantes na vida profissional, mas que falha na vida pessoal? A cobrança nesses casos parece maior ainda, exigindo-se dele a perfeição em tudo. A maioria das pessoas não compreende como, por exemplo, alguém possa ser um líder proativo e ao mesmo tempo um pai omisso. Há também o julgamento de ele só pensa em trabalho, que abandonou a vida social.
Como cada vez mais está complicado administrar sua carreira com o mundo que está ao seu redor! Os prejulgamentos, as acusações, o preconceito. Como ser um bom líder no meio deste cenário?
Eu diria que buscar o equilíbrio é sempre o mais sensato a se fazer.
Fazer o melhor em cada situação, ter atitude positiva, desenvolver estratégias, saber administrar o tempo, saber ouvir, procurar ajuda quando necessário… Sim, um bom líder pode pedir ajuda, buscar conhecimento, se atualizar, estar antenado com o mercado, manter uma rede de relacionamentos ativa e fazer benchmarking.

Ser líder não é fácil, ter sucesso em tudo também não.
O que podemos fazer é desenvolver cada atividade da melhor maneira possível, seja ela profissional ou pessoal, tirando a culpa, o excesso de exigência consigo mesmo e ter a consciência que o mais importante é buscar a paz interior.
Estar bem consigo mesmo traz bem estar com o todo!

Translate »